26 anos de mim...

00:59

A vida vai passando tão depressa, mas tão depressa que no sábado fiz 26anos.
Não entendo esta pressa da vida em ir passando, eu tento acompanhá-la mas há alturas que não consigo. Sinto vontade de viver mais mas o tempo não deixa. 

Os 26 chegaram e senti vontade de olhar para todos os lados,saber se escolhi o melhor mesmo que não importe por agora,de saber o que irei viver e saber quais as consequências do que fiz até agora.

Parei olhei mas não mudei nada, uma parte porque não posso e  outra parte porque não quero. Todos os passos foram importantes para crescer para ser hoje o que sou.  Revivi momentos de infância que tem ainda hoje muito impacto, tanto como algumas cicatrizes que em mim ficaram. Revivi momentos da minha adolescência em que conheci e partilhei a vida com muitos dos que ainda hoje são meus amigos. Claro senti o peso dos vários anos de universidade, que de muitas maneiras foram importantes. Aqui inclui, o peso que a minha decisão de ir para lisboa fazer a tese de mestrado teve no meu percurso de laboral, pelo que aprendi, pela cidade, pela oportunidades que me abriu.  Foi também impossível não relembrar a minha passagem pelos EUA, pelas  pessoas que conheci e que partilhei um pouco da minha vivencia e pelo que aprendi ao viajar sozinha e a nível laboral. Obviamente não deixei de olhar o passado mais presente, que se encontra nesta cidade maravilhosa, nas pessoas amigas que tenho aqui e que me proporcionam muitos bons momentos atualmente.
No meio de todas estas lembranças não posso nem consigo deixar de lado, toda aquela parte familiar que está coladinha a elas e que fez toda a diferença
Não sei se algum dia vou conseguir transmitir de resposta á vida tudo o que de bom ela me dá diariamente, mas pelo menos tento sendo feliz.

E por Agora? 
Por agora vou continuar com as minhas muitas incógnitas sobre tudo, até o dia que as viverei.

Life goes so fast, but so fast that I did on Saturday 26 years. 
I do not understand this rush of life to go on, I have tried to accompany her but there are times I can not. I want to live more but time did not allow it.

The 26 arrived and I wanted to look at all sides, Know if I chosed the best which does not matter for now, know that I will live and know the consequences of what I did so far.

I stopped to look back but did not change anything, because I can not and because I do not want. All steps were important to grow and  to be what I am today. Relived moments of my childhood that still have much impact, as much as some scars that were on me. I relived moments of my adolescence that I met and shared life with many who are still my friends. Of course, I feel the weight of several years of university, which were important in many ways . Including here, the weight of my decision to go to lisbon to do my master's thesis has on my work, what I have learned, the city, and of course opportunities that were opened for me here. It is also impossible not to look back to my passage by the USA, because of the people I met and I shared some of my experiences as an immigrant,and because  what I learned while traveling alone and at the work level. Obviously I can not leave behind the past more present, which is in this wonderful city and at the friends I have here that give me many good times.
Among all these memories I can not even put aside that whole family that is part of them and that made ​​all the difference
I do not know if I'll ever response to life everything good that she gives me daily, but at least I try to be happy.

And for now?
For now I will continue with my many doubts about everything, until the day that I will live them.




You Might Also Like

8 pensamentos sobre o meu segredo

  1. Percebo perfeitamente o que queres dizer. Realmente o tempo passa a correr e muitas vezes nem damos por isso. Será que pensamos agora assim (sim, muito mais agora) por já estarmos quase na barreira dos 30? :)

    Eu, pelo menos falo por mim. Estou quase a fazer 25 anos e parece que estou a passar por uma crises. ahaha

    Andreia,
    http://pontofinalparagrafos.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. Eu estou a conseguir concretizar tudo tão cedo, que estou preocupada é em saber como vai ser depois dos 40. lol
    Há uma GRANDE novidade no meu blogue privado. Penso que irás ficar feliz por mim.
    Um beijinho, jeitosa.

    ResponderEliminar
  4. És uma jovem com uma vida inteira pela frente. Aproveita sempre cada minuto da melhor forma porque o tempo voa... voa mesmo!

    beijinho e um ótimo ano para ti!

    ResponderEliminar
  5. Parabéns, parabéns!!
    Aproveita e vive! O tempo passa MESMO a correr. Bjos

    ResponderEliminar
  6. Não é possível sermos sempre felizes mas devemos pelo menos tentar.

    ResponderEliminar

Like us on Facebook

Loading followers