Diario emigrante

Manhã de quinta-feira

17:29


Hoje comecei o dia de forma diferente. 

Acordei, tomei o pequeno almoço tranquilamente e fui até ao ginásio.  Sinceramente estava com alguma receio de começar o dia no ginásio, porque da ultima vez que o tentei, há uns fins de semana atrás, senti mesmo mal, falta de ar e dor num ombro, enfim aguentei até aos 15 min da corrida, e parei, fiz um pouco de máquinas e acabei por voltar para completar os 30min. Não sei o que aconteceu nesse dia, mas felizmente correu bem.

Eu não faço isto todos os dia, ou dia sim dia não que é normalmente os dias que vou ao ginásio, porque o meu dia no laboratório começa as 8 da manha, para conseguir isto teria de me levantar por volta das 6, e isso ainda tenho alguma dificuldade em fazer, e só de pensar que é para fazer exercicio ainda mais. Quem sabe um dia. 

Não foi hoje esse dia, comecei o dia desta forma reconfortante porque o meu orientador me deu ordem, para ficar em casa hoje de manha, porque poderemos ter de trabalhar até tarde no lab.  Tudo porque amanhã temos uma apresentação, onde vamos mostrar os nossos últimos resultados (que tenho a dizer que alguns são bem animadores, e que me lembra sempre porque adoro ser “Cientista”). Passei a semana a organizar tudo, mas como vai ser ele a falar (espero que não se lembre de me mandar falar, que ainda me atrapalho um pouco), vamos passar a tarde a reorganizar e pôr a maneira dele,  espero que não falte nenhum resultado. Isto só não aconteceu antes porque ele teve exame esta manhã, o que ainda nos complicou mais o tempo.

 Para alem disto, houve outro motivo que fez com que não passa-se a manhã na cama, pois era isso que me apetecia. Esse motivo foi que hoje depois das 9,  havia uma inspecção em todos os apartamentos, para ver se eram seguros e tinha condições e coisas desse género (Portugal é que precisava disto). Então resolvi ir até ao ginásio, quando voltei percebi que já tinham passado pele o meu apartamento, porque vi alguma lama na casa de banho e na cozinha, que se deve a estarem a construir um prédio aqui ao lado e por isso estar alguma lama aqui a porta, e também porque o inspector não descalçou os sapatos. Eu sei que parece parvo, mas como a minha casa aqui é toda alcatifada, excepto na casa de banho e na cozinha, andar calçada em casa está fora de questão, e estes senhores nem pensaram nisso, chateia me mesmo. Enfim tenho de varrer e aspirar a casa o quanto antes.

D.S

You Might Also Like

0 pensamentos sobre o meu segredo

Like us on Facebook

Loading followers